Memória Cinematográfica

Menu

Apenas uma Noite

drama Estreia 14 junho 2012

Não apenas o enredo, mas também o trailer, já diz muito sobre o que será visto no longa-metragem “Apenas uma Noite” (“Last Night”), estrelado por Sam Worthington (“Avatar”) e Keira Knightley (“Piratas do Caribe”, “Um Método Perigoso”). A fita tem estreia apontada para esta sexta-feira, 15, depois de passar por uma pré-estreia no último final de semana.

O longa conta a história de um casal, Michael e Joanna (Sam e Keira), que parece perfeito. Os dois são bem sucedidos, atraentes e o principal: se amam. A questão é que nem tudo é perfeito. Quando a moça vai a uma festa do trabalho do marido, conhece sua colega, aqui interpretada por Eva Mendes. Obviamente, ao ver a mulher estonteante, Joanna fica com ciúmes, principalmente porque os dois vão viajar juntos.

É neste contexto que se desenvolve o filme da diretora Massy Tadjedin, em seu trabalho de estreia. Ela também é autora do roteiro e faz a bela Keira também estar linda, embora Eva Mendes seja um tipo de mulher mais provocadora, com uma sensualidade exagerada.

Cheio de mistério, traição e fidelidade, a discussão de “Apenas uma Noite” vai longe, talvez até rompa as barreiras da tela, de modo que invade também a plateia, com expectativa de gerar discussão entre os casais.

Algo parecido pôde ser visto recentemente em “Um Beijo a Mais” (“The Last Kiss”), sobre o rapaz que, antes de ter o seu primeiro filho, se envolve em uma relação extraconjugal, enquanto sua esposa está grávida, e ela descobre, deixando a situação bastante embaraçosa.

No filme de Massy Tadjedin, porém, os cúmplices do que acontece com os casais são os espectadores, que são facilmente manipulados pelos olhos da diretora. E cabe a cada um deles julgar o que foi feito.

Mais Lidas

Veja também