Subscribe via RSS

Jovens Adultos

04 abr 2012

written by Memória Cinematográfica

Depois do sucesso de “Juno”, a roteirista Diablo Cody mergulha novamente no universo adolescente. Desta vez, porém, ela não vai falar sobre a garota de 16 anos que engravidou do namorado. Em “Jovens Adultos” (“Young Adults”), longa-metragem que estreia nesta sexta-feira, 6, nos cinemas brasileiros, ela conta a história de adultos que cresceram, mas não amadureceram.

A atriz sul-africana Charlize Theron é Mavis Gary, uma ghost writer de literatura juvenil (à la saga dos vampiros…). Com o obje­tivo de escrever o livro, já que seu editor não para de lhe cobrar os primeiros capítulos, ela sai de casa vstindo uma camiseta da Hello Kitty, viaja de carro ouvindo fita K-7 até a cidade onde cresceu e se hospeda em um hotel juntamente com o seu cachorro fiel.

A escolha do local, porém, é para reconquistar seu namorado dos tempos de escola. O problema é que ele (Patrick Wilson) está casado e acaba de ser pai. Na primeira noite, a moça reencontra um ex-colega (Patton Oswalt), que também não superou totalmente o colegial, e os dois saem para beber, tal como faziam quando tinham 15 anos.

Dirigido por Jason Reitman (“Amor sem Escalas”), com quem Diablo Cody já trabalhou em “Juno”, o longa explora o comportamento adolescente desses adultos, extraindo o máximo de seus atores. Charlize Theron, por exemplo, mostra com bastante propriedade essa transição que, para a personagem, passou despercebida. Ao mesmo tempo em que passeia pela cidade, vai ao supermercado ouvir a conversa das pessoas e aproveitar as frases de efeito em mais um livro da série destinado aos “young adults”. Porém, faz besteira a perder de vista, quando, por exemplo, tenta reconquistar um ex-namorado que está casado e feliz. Usa o seu vestido mais decotado e sensual, conta para o amigo o que pretende e constrange o espectador quando diz até para a vendedora da loja que quer parecer bem para a esposa do seu alvo.

Mavis Gary acaba de sair de um casamento fracassado, tem depressão, vive de ressaca e tem inveja da felicidade dos outros. No entanto, convence o espectador de ser como é, já que o amigo lhe diz que ela é a garota que todo garoto como ele sonha em ter.

“Jovens Adultos” ilustra o comportamento infantil de quem ainda não sabe o que quer da vida com humor ácido e sarcasmo, em diálogos bem construídos e interessantes. E, ao mesmo tempo, mostra que a garota mais popular do colégio também tem problemas, apesar da fama. É só uma questão de tempo para que eles apareçam de fato.


Leave a comment

© 2024 Memória Cinematográfica